Quinta-feira
20 de Junho de 2024 - 
Atendimento 24 horas em todo o estado do Rio de Janeiro

TRE-SP participa de reunião preparatória para o 18º Encontro Nacional do Poder Judiciário

Na última quinta-feira (16), foi realizada a reunião preparatória para o 18.º Encontro Nacional do Poder Judiciário, na sede do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), em Brasília. O evento teve como finalidade debater as políticas e programas em execução, assim como acompanhar o desenvolvimento da Estratégia Nacional 2021-2026, orientadora do planejamento e gestão do Poder Judiciário. O diretor-geral do TRE–SP, Claucio Corrêa, participou do evento representando o Regional Paulista. Integrantes da Rede de Governança Colaborativa do Poder Judiciário, responsáveis pela área de Gestão Estratégica e servidores da área de estatística, além de representantes dos demais tribunais do país também estiveram presentes.A mesa do evento foi conduzida pelo conselheiro do CNJ Alexandre Teixeira de Freitas Bastos Cunha, que assumiu a presidência da Comissão Permanente de Gestão Estratégica, Estatística e Orçamento do Órgão, e contou com a presença da diretora do Departamento de Desenvolvimento de Gestão Estratégica (DGE) do CNJ, Fabiana Gomes e do supervisor do Departamento, juiz Fábio Cesar dos Santos Oliveira.ProgramaçãoA programação do evento começou com uma solenidade de abertura conduzida pelo Ministro Luís Roberto Barroso, Presidente do Supremo Tribunal Federal e do Conselho Nacional de Justiça, na qual foi lançado o Selo Linguagem Simples. A finalidade do Selo é reconhecer e estimular, em todos os segmentos da Justiça e em todos os graus de jurisdição, o uso de linguagem direta e compreensível a todos os cidadãos, na produção das decisões judiciais e na comunicação geral com a sociedade.Houve, ainda, a apresentação do Painel de Dados de Pessoal do Poder Judiciário, pela juíza auxiliar da Presidência, Ana Lúcia Aguiar, Coordenadora do Departamento de Pesquisas Judiciárias do CNJ, e pela Diretora Executiva do mesmo departamento, Gabriela Soares.Em seguida, foi apresentado o Acompanhamento da Estratégia Nacional do Poder Judiciário 2021-2026, com coordenação do Conselheiro Alexandre Teixeira de Freitas Bastos Cunha. No período da tarde, ocorreram reuniões temáticas simultâneas, tendo como Eixo I: “A linguagem simples e a padronização de ementas: a comunicação eficiente do Poder Judiciário “; Eixo II: “Os avanços da Execução Fiscal: Resolução n. 547/2024 e os diálogos institucionais”; e por fim Eixo III: “ Sustentabilidade e Poder Judiciário: a responsabilidade com o futuro”. O evento também contou com o painel“Tecnologia e inteligência artificial: a necessária cooperação dos tribunais”e o “Painel da Corregedoria Nacional de Justiça”, com participação do corregedor nacional de justiça, ministro Luis Felipe Salomão.No evento, o CNJ anunciou um novo ciclo de gestão das Metas Nacionais do Poder Judiciário, em que o órgão pretende atuar com maior proximidade aos tribunais para auxiliar no alcance dessas metas, com troca de informações a cada quatro meses.Com a nova sistemática, os tribunais irão elaborar o plano de ação para cumprimento das Metas Nacionais do Poder Judiciário contendo a descrição das atividades a serem executadas, os objetivos, as unidades responsáveis pela execução, o cronograma e uma estimativa dos custos e dos riscos. Essas Metas serão formuladas por meio de processo participativo no âmbito da Rede de Governança Colaborativa do Poder Judiciário. No auxílio dos tribunais, o CNJ irá promover reuniões para avaliação conjunta e incremento do desempenho, com ações que promovam a melhoria dos resultados das Metas Nacionais.imprensa@tre-sp.jus.br
22/05/2024 (00:00)

Notícias

Cadastre-se

E acompanhe todas as novidades do nosso Escritório

Contate-nos

Advogado Criminal Rio RJ  8003838
© 2024 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.