Domingo
22 de Setembro de 2019 - 
Atendimento 24 horas em todo o estado do Rio de Janeiro

JFAL apresentou funcionamento de climatização exitoso no workshop de experiências sustentáveis do Judiciário alagoano

A Eco Rede da Justiça de Alagoas compartilhou experiências na área de tecnologias sustentáveis, durante a segunda-feira (9), na Escola Superior da Magistratura de Alagoas (Esmal). A Rede é formada pela Justiça Federal em Alagoas (JFAL), Tribunal de Justiça (TJAL), Tribunal Regional Eleitoral (TRE/AL) e o Tribunal Regional do Trabalho (TRT/AL). Cada órgão judiciário apresentou casos de sucesso relacionados a engenharia e arquitetura, que tenha resultado em economia de energia elétrica, por exemplo. Além da troca de experiências, o objetivo é identificar oportunidades de ações conjuntas. O engenheiro da Jfal, Gilberto Sales dos Santos, apresentou o funcionamento exitoso do Sistema de climatização de ar condicionado central, Volume de Refrigerante Variável (VRV), do tipo Multi Split, que funciona com uma única condensadora (unidade externa) ligada a várias evaporadoras. O presidente do TJAL, Tutmés Airan, participou da abertura do encontro e ressaltou iniciativas da Corte estadual, como a digitalização dos processos, que está extinguindo o uso de papel, redução dos copos descartáveis e a coleta seletiva. “É uma discussão hoje central para a humanidade, porque a natureza tem dado sinais de esgotamento. Acho que essa preocupação tem que conduzir a ações concretas, no sentido de aproveitar a inteligência humana para que essa relação do homem com a natureza seja a menos predatória possível”, ressalta o presidente do TJ. O evento deve resultar na elaboração de um plano de ações conjuntas dos órgãos judiciários, como explica Alexandre Caiado, secretário da Comissão Ambiental do TJ. “Ao final haverá um apanhado de todos os participantes, que vão dar suas sugestões para que nós possamos montar a nossa agenda de trabalho até 2020. O que é implementado em conjunto gera uma economia de recursos e um melhor resultado". À tarde, a empresa Qualitec Soluções Ambientais expôs como opera a logística reversa para o recolhimento de lâmpadas usadas que, quando descartadas em lixo comum, poluem o solo e as águas. Austor: Comunicação/JFAL com DICOM TJ/AL
10/09/2019 (00:00)

Notícias

Cadastre-se

E acompanhe todas as novidades do nosso Escritório

Contate-nos

Advogado Criminal Rio RJ  1799490
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.