Quinta-feira
16 de Julho de 2020 - 
Atendimento 24 horas em todo o estado do Rio de Janeiro

Governo do DF entra no Supremo contra presença de líderes de facção criminosa em presídio de Brasília

O governo do Distrito Federal entrou com ação no Supremo Tribunal Federal (STF), nesta quarta-feira (12), contra a presença de chefes de facção criminosa na Penitenciária Federal de Brasília, a cerca de 15 quilômetros da Praça dos Três Poderes. O objetivo é tentar obrigar transferências para outras unidades da federação. Marcola e mais três chefes de facção criminosa paulista são transferidos de Porto Velho para Brasília Entre os presos que cumprem pena na capital, está o traficante Marco Willians Herbas Camacho, o Marcola, que foi condenado a 330 anos por persos crimes. O pedido corre em sigilo e está nas mãos do ministro Luís Roberto Barroso, que analisa o pedido do governo contra a decisão da União de manter os criminosos em Brasília. A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) no Distrito Federal já se manifestou contra a presença deles em Brasília por ver riscos às autoridades, como ministros de Estado, parlamentares, ministros de tribunais superiores, além de representações estrangeiras na capital do país. Na semana passada, o presidente Jair Bolsonaro autorizou o emprego das Forças Armadas, na Garantia da Lei e da Ordem (GLO), para reforçar a segurança na área externa do presídio, inaugurado em 2018. O ministro da Justiça Sérgio Moro, afirmou que o objetivo era evitar fugas. "O governo tá sempre adiante dos criminosos e a ideia ali é prevenir qualquer espécie de tentativa de um eventual resgate", disse ele. Uso de Exército na Penitenciária de Brasília visa prevenir eventual resgate de presos, diz Moro Depois do decreto, a OAB-DF afirmou em nota que a instituição defende "que presídio desta natureza não pode estar localizado em um perímetro no qual estão as cúpulas de todos os poderes do país e todas as representações internacionais". Veja mais notícias sobre a região no G1 DF.
12/02/2020 (00:00)

Notícias

Cadastre-se

E acompanhe todas as novidades do nosso Escritório

Contate-nos

Advogado Criminal Rio RJ  3155335
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.