Terça-feira
07 de Julho de 2020 - 
Atendimento 24 horas em todo o estado do Rio de Janeiro

Aras diz que não mudou de postura em relação ao inquérito das fake news

Nesta quarta-feira (27), o procurador-geral da República, Augusto Aras, pediu ao Supremo Tribunal Federal o arquivamento do inquérito das fake news. Nesta quinta (28), ele disse que foi surpreendido pela ação e que é favorável ao inquérito, desde que a investigação se mantenha em seus estreitos limites. Essa declaração, segundo Aras, é para deixar claro que ele não mudou de postura. Em outubro do ano passado, ele havia se manifestado favoravelmente à continuidade do procedimento. Augusto Aras também se manifestou contra o pedido feito pelo PDT, pelo PSB e pelo PV para que o celular do presidente Jair Bolsonaro seja apreendido. A manifestação de Aras foi feita por solicitação do ministro Celso de Mello no inquérito que apura a suposta interferência política na Polícia Federal. Aras entende que a investigação é competência do Ministério Público e que, por isso, não cabe intervenção de terceiros no processo, como no caso de partidos e parlamentares. Celso de Mello ainda vai tomar uma decisão.
28/05/2020 (00:00)

Notícias

Cadastre-se

E acompanhe todas as novidades do nosso Escritório

Contate-nos

Advogado Criminal Rio RJ  3112371
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.