Terça-feira
22 de Janeiro de 2019 - 
Atendimento 24 horas em todo o estado do Rio de Janeiro

Inserção de detentos no mercado de trabalho é destaque no Link CNJ

O programa Link CNJ desta quinta-feira (10/1), que vai ao ar na TV Justiça, às 21h30, vai mostrar como é possível oferecer educação e trabalho para detentos, egressos do sistema prisional e familiares. Entrevista com o coordenador do Departamento de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário e do Sistema Socioeducativo (DMF/CNJ), Luís Geraldo Lanfredi, vai apresentar em detalhes acordo de cooperação assinado pelo Conselho e o Instituto Humanitas360. O termo, firmado no fim de dezembro, prevê justamente a inserção dessa população no mundo do trabalho e, consequentemente, o enfraquecimento da atuação das facções criminosas dentro dos presídios brasileiros. Por meio do acordo, será disseminada a organização de cooperativas sociais para presos e egressos, além de articular ações cívico-empreendedoras que lhes permitam reestruturar-se a partir de valores socialmente adequados e desestimular a reincidência criminal. Leia mais: Toffoli defende educação e trabalho para fazer frente a facções em prisões A realidade do trabalho escravo no país também será tema do programa desta quinta-feira (10/1), que vai ao ar na TV Justiça, às 21h30, traz ainda uma reportagem sobre a estrutura e o funcionamento da Defensoria Pública no Brasil. As reprises do programa serão no sábado (12), às 12h30, e na terça-feira (15), às 7h30. A TV Justiça pode ser sintonizada por antena parabólica e, em todo o Brasil, pelas seguintes operadoras: DHT (canal 6), Embratel (canal 120), GVT (canal 232), Oi (canal 21), Sky (canal 167), Star Sat (canal 27) e Telefônica (canal 691). Para assistir aos programas já veiculados, clique aqui e acesse o canal do CNJ no Youtube. Agência CNJ de Notícia
10/01/2019 (00:00)

Notícias

Cadastre-se

E acompanhe todas as novidades do nosso Escritório

Contate-nos

Advogado Criminal Rio RJ  857406
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.